terça-feira, 25 de junho de 2024
15.6 C
Blumenau

Acordo pode garantir operação da barragem de José Boiteux

Barragem de José Boiteux
Barragem de José Boiteux

Uma decisão judicial neste sábado (7) autorizou o Governo de Santa Catarina a operar a Barragem de José Boiteux, vital para amenizar a cheia do Rio Itajaí-Açu. Uma série de medidas para mitigar o impacto aos indígenas deverão ser cumpridas.

A decisão foi do juiz Vitor Hugo Anderle do plantão da Justiça Federal em Blumenau. O magistrado autorizou o Estado a ingressar na barragem, desde que sejam respeitadas as orientações técnicas e a segurança dos moradores da região.

No documento consta também um acordo envolvendo a liderança indígena, autoridades locais, representantes do Governo do Estado e com anuência do Ministério Público Federal. Constam medidas como melhorias de estradas, atendimento de saúde, barcos e ônibus para atendimento da população.

Residências que forem atingidas por conta do fechamento da barragem deverão ser reconstruídas em um local seguro. Mais cedo, o governador Jorginho Mello havia determinado o fechamento das comportas e enviado forças ao local.

Início da operação da barragem

Apesar da decisão, até a meia-noite deste domingo (8) ainda haviam negociações com a comunidade local para que fosse possível a operação. No local estava a Funai e agentes da Polícia Federal estavam se deslocando para a região.

Nos bastidores, existe a informação que a operação poderia iniciar às 5h de domingo após o acordo. Um grande aparato da Polícia Militar foi levado ao local na expectativa de que pudesse haver resistência para cumprimento da ordem.

Redação
Redação
Acompanhe nosso trabalho diariamente.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas