segunda-feira, 17 de junho de 2024
19.8 C
Blumenau

Ministra blumenauense é demitida por Lula para acomodar o centrão

A ex-atleta de vôlei blumenauense Ana Moser foi demitida pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva na quarta-feira (6) para abrir espaço para o deputado André Fufuca (PP). Ana afirmou que “vê com tristeza e consternação a interrupção”.

O presidente Lula comunicou a ela sua decisão pela exoneração na tarde desta quarta-feira (6), no Palácio do Alvorada. Ana então teria apresentado ao presidente as ações implementadas no período, segundo nota divulgada.

“Ontem presidente Lula oficializou minha saída do Ministério do Esporte. Tivemos pouco tempo para mudar a realidade do Esporte no Brasil, mas sei que entregamos muito, construímos muito e levamos a política do presidente Lula aos que tivemos contato de norte a sul deste país”, informou Moser.

Ana Moser - foto de Fabio Rodrigues Pozzebom
Ana Moser – foto de Fabio Rodrigues Pozzebom

O deputado federal André Fufuca (PP-MA) foi convidado para comandar o Ministério do Esporte. Ele integra o núcleo conhecido como centrão e era da base do governo de Jair Bolsonaro (PL), tendo votado pelo impeachment de Dilma Roussef em 2016.

Outro nomeado foi Silvio Costa Filho (Republicanos-PE) ao cargo de ministro dos Portos e Aeroportos, cargo que pertencia a Márcio França (PSB), ex-governador de São Paulo.

Ana Moser

Ana Beatriz Moser nasceu em Blumenau em 14 de agosto de 1968 e serviu a seleção brasileira que trouxe a primeira medalha olímpica para o voleibol feminino — a de Bronze nos jogos de Atlanta, nos Estados Unidos, em 1996.

Redação
Redação
Acompanhe nosso trabalho diariamente.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas