terça-feira, 16 de abril de 2024
23.9 C
Blumenau

Blumenau gerou 2,5 mil novos empregos no primeiro bimestre

Rua XV de Novembro, ponto tradicional do comércio de Blumenau - foto de Filipe Rosenbrock
Rua XV de Novembro, ponto tradicional do comércio de Blumenau – foto de Filipe Rosenbrock

Mais de 1.500 novas vagas de emprego foram abertas em Blumenau neste mês de fevereiro. É o que aponta o levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho (Caged).

É o segundo mês de alta consecutiva no saldo de contratações no município. Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo, Valdecir Mengarda, a retomada de empregos também é reflexo de ações do município, como a qualificação de mão de obra e a articulação de diferentes setores.

“Anualmente, temos qualificado um número expressivo de novos profissionais que passam a ser absorvidos pelos setores de serviços e indústria. Um exemplo disso é o Entra21, da Blusoft. Aliado a isso, os debates que fomentamos com as governanças ligadas ao Plano de Desenvolvimento Econômico também contribuem para esses resultados positivos”, complementa.

Desta vez, o setor de serviços foi o que mais contratou, com 499 admissões a mais do que o número de demissões. A indústria vem logo em seguida, com 434 novos empregos. A administração pública, comércio e setor de alojamento e alimentação também apresentaram números significativos de admissões.

No ranking estadual, Blumenau subiu para a 3ª posição, com um total de 2.587 contratações no primeiro bimestre de 2024. Joinville e Itajaí ficaram com a primeira e a segunda posição, respectivamente. Já em nível nacional, Blumenau foi a 28ª cidade que mais empregou no país neste mesmo período.

Redação
Redação
Acompanhe nosso trabalho diariamente.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas