Blumenau chega a 701 mortes com 7.3 mil casos ativos de coronavírus

O número de casos ativos por Covid-19 chegou 7.3 mil nesta segunda-feira (24) em Blumenau, sendo que 31 destes pacientes estão hospitalizados. Já os óbitos são 701 após duas vítimas serem informadas no sábado.

Ontem foram informados 1.564 novos casos da doença, elevando o total a 88.618. Ao todo, a Prefeitura de Blumenau já fez 342.744 testes para Covid-19. Entre os casos positivos, 7.301 pacientes estão em tratamento.

Dos casos em análise e confirmados de Blumenau e de outros municípios, 43 pacientes encontram-se hospitalizados, sendo 9 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 34 em enfermaria. Destes na UTI, 6 pacientes são de Blumenau e 3 pacientes de outra cidade. A taxa de ocupação dos leitos de UTI na cidade é 13,6% em relação a capacidade atual de ocupação, com 66 leitos ativos. Já em enfermaria são 25 pacientes de Blumenau e 9 de outros municípios, com taxa de ocupação de 19,2%.

Avenida Beira-Rio - foto de Marcelo Martins
Avenida Beira-Rio – foto de Marcelo Martins

O município contabiliza também 80.616 casos de pessoas que já passaram pelo período de isolamento e são considerados recuperados. Nesta segunda-feira nenhum óbito foi registrado, permanecendo assim 701 óbitos por coronavírus.

Blumenau já aplicou 611.721 vacinas

Nas últimas 24 horas foram aplicadas 202 vacinas da primeira dose, sendo 105 doses pediátricas (274.952 vacinados até o momento), 194 da segunda dose ou dose única (265.788 imunizados), 944 da dose de reforço (70.981 imunizados).

Atendimento Rápido Covid-19

Os Ambulatórios Gerais (AG) seguem oferecendo atendimento aos casos suspeitos de Covid-19. Os AGs da Velha, Garcia, Itoupava e Fortaleza (anexo ao HU da Furb), atendem de segunda a sexta-feira, das 7h às 23h. Já os AGs Centro e Escola Agrícola, atendem das 7h às 20h durante a semana.

As unidades Estratégia Saúde da Família (ESF) também oferecem atendimento para casos suspeitos de Covid-19. O endereço e horário de atendimento das unidades habilitadas está no site da Prefeitura. A medida segue orientações do Governo do Estado, para que o serviço faça parte do rol de atendimentos da atenção básica de saúde.

 

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome