Prefeitura pede autorização para aquisição de vacinas contra a Covid-19

Prefeitura de Blumenau - foto de Marcelo Martins
Prefeitura de Blumenau – foto de Marcelo Martins

No dia em que foi sancionada a lei que permite a compra de doses de vacina contra a Covid-19 por municípios, estados e empresas, o prefeito de Blumenau Mário Hildebrandt assinou o Projeto de Lei de autoria do executivo que prevê a participação da cidade no Consórcio Nacional de Vacinas Brasileiras. O documento será encaminhado à Câmara Municipal.

A imunização é responsabilidade do Governo Federal, mas a Prefeitura já vinha articulando a compra. “O que estiver ao alcance do município para a compra dos imunizantes será feita e esperamos esse entendimento também da Câmara de Vereadores, com a aprovação desse projeto”, destaca o prefeito.

Desde janeiro, quando os imunizantes foram aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a Prefeitura de Blumenau participa de discussões sobre a aquisição da vacina. Com a autorização, no final do mês de fevereiro, do Supremo Tribunal Federal (STF) para que estados, municípios e o Distrito Federal possam importar e distribuir os imunizantes o município confirmou sua decisão de compra.

De acordo com comunidade da Prefeitura, a adesão a um consórcio para aquisição conjunta foi entendida como a opção que permite, além da segurança jurídica, uma maior possibilidade na negociação de valores e prazos para entrega.

O município optou pelo Consórcio Nacional por entender que o modelo é o que melhor se adéqua às suas demandas. Os recursos já estão reservados no orçamento previsto para este ano.

Receba notícias do Farol em seu WhatsApp

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome