Duas novas ambulâncias do Samu começam a atender em breve em Blumenau

Blumenau recebeu duas novas ambulâncias para uso do Serviço Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que devem iniciar a assistência à população até a primeira quinzena de setembro. Após um ano de espera de Governo do Estado, o Ministério da Saúde enviou as novas viaturas na semana passada.

As duas novas Unidades de Suporte Básico (USB) se juntam a outras duas que já atuam em Blumenau e aumentam a possibilidade de uma resposta de atendimento de maior qualidade e agilidade. Estão sendo providenciadas as documentações e seguro, além da instalação de equipamentos como rádios.

As USBs que prestam o atendimento hoje na cidade são do ano de 2017 e juntas já rodaram mais de 300 mil quilômetros, para atender a média mensal de 560 chamados que o Samu recebe em Blumenau.

“Novas ambulâncias tem sido pleiteadas reiteradamente junto ao Estado, mas Blumenau não tinha sido atendida até então. Com o pedido direto junto ao MS, foi possível renovar nossa frota. Com as quatro unidades esperamos melhorar ainda mais o atendimento”, salientou o secretário de Promoção da Saúde, Winnetou Krambeck.

O município segue ainda na expectativa de receber mais uma unidade de suporte básico para o Samu, que estava em uso na cidade de Pomerode, apresenta baixa quilometragem e poderia integrar a frota de Blumenau, já que o município vizinho recebeu uma viatura nova no mês passado.

Viaturas devem iniciar atendimento em até duas semanas - foto da PMB
Viaturas devem iniciar atendimento em até duas semanas – foto da PMB

Ambulância Avançada

Em Julho Blumenau recebeu uma nova ambulância do Samu. A Unidade de Suporte Avançado (USA) é utilizada para atendimentos de urgência e emergência no município, com acompanhamento médico, com regulação e administração do Governo do Estado. O veículo, entregue ao município por meio de emenda parlamentar, custou cerca de R$ 180 mil e junta-se a outra UAS que já atende mais de 300 mil pessoas que vivem na região.

Investimentos no Samu

Atualmente as Unidades de Suporte Básico são compostas por 14 técnicos em enfermagem e 14 motoristas, todos servidores municipais. As despesas administrativas, de manutenção de viatura e folha de pagamento são custeadas com recursos próprios do município, uma média anual de R$ 1,5 milhão. Com as viaturas antigas, o gasto com manutenção ultrapassa R$ 200 mil ao ano. Para esses custeios, o MS repassa o valor fixo mensal de R$ 13.125,00, por veículo cadastrado.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome