STF vai decidir sobre posse de Lula e instância de investigação

Sessão plenária do STF. (Dorivan Marinho/SCO/STF)
Sessão plenária do STF. (Dorivan Marinho/SCO/STF)

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal, vai deixar para o plenário da corte a decisão sobre quem vai investigar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por suspeitas de envolvimento no esquema de corrupção revelado na Lava Jato.

A decisão de Rosa Weber vai no mesmo sentido da que tomou o ministro Luiz Fux quando a Advocacia-Geral da União pediu que Lula continuasse no cargo de ministro-chefe da Casa Civil.

Na sexta-feira, o ministro Gilmar Mendes manteve a liminar que suspende a posse de Lula e devolveu à Justiça Federal de Curitiba a investigação sobre o ex-presidente. Luiz Fux e Rosa Weber argumentam que não cabe recurso contra decisão de um ministro do Supremo.

[irp posts=”20317″ name=”Gilmar Mendes suspende a posse de Lula”]

Agora, tanto a nomeação de Lula para a Casa Civil quanto a instância que vai investigá-lo serão decididos pelo plenário do Supremo, que está no recesso de Páscoa e só volta a se reunir na quarta-feira da semana que vem. Ainda não existe previsão de quando os dois assuntos entrarão na pauta.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome