Seterb convoca reunião para frear violência nos terminais

Ao saber do problema de violência contra motoristas no Terminal Aterro, o prefeito Napoleão Bernardes determinou ao Seterb que realize uma reunião o mais breve possível com o Consórcio Siga, concessionário do serviço na cidade. O encontro servirá para estudar alternativas que possam melhorar a segurança nos terminais. Catracas que impeçam vãos livres na outra extremidade do Terminal Aterro e contato com a Polícia Militar são algumas das medidas a serem tomadas.

Nesta reunião, a autarquia irá determinar ao Siga que instale uma bilheteria com funcionário na outra extremidade desse terminal urbano para evitar que pessoas entrem sem pagar a passagem. Foi esta prática irregular de um grupo de jovens que acabou causando o problema de violência contra motoristas de ônibus, que quiseram impedir a passagem.

A instalação de mais uma bilheteria com funcionário também deverá ocorrer na outra extremidade do Terminal Fonte, a fim de impedir o acesso livre ao terminal. Na mesma reunião, autarquia e consórcio devem discutir outras ações de segurança nos terminais.

Além disso, o Seterb irá reforçar o pedido junto a Polícia Militar para que realize mais rondas nos terminais e estude a possibilidade de instalar bases nestes locais. Segundo o diretor de transportes do Seterb, Lairto Leite, a presença de policiais nos terminais coibe ações de vândalos, furtos, roubos, agressões, consumo e tráfico de drogas, e, por consequência, traz mais segurança aos trabalhadores e usuários do transporte coletivo.

Juliana Damian Silva 

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome