Briga de trânsito causa morte de homem de 65 anos

Caminhão era sonho de Orlando Gross, segundo familiares

Uma agressão motivada por um desentendimento de trânsito resultou na morte de Orlando Gross, de 65 anos. O caso aconteceu na semana passada em Blumenau, mas a vítima faleceu no domingo (25) no Hospital Santa Isabel.

Tudo começou na terça-feira (20) quando Orlando, que conduzia um caminhão em Pomerode, fez uma manobra que colocou em risco um veículo. O caminhoneiro seguiu para Blumenau e parou em um posto de combustíveis do bairro Itoupavazinha, onde o motorista do carro também parou.

O homem de 28 anos foi tirar satisfações e os dois acabaram brigando. Com os ânimos exaltados, acabou acabou acertando um soco que derrubou o idoso. Ele teve traumatismo craniano ao bater a cabeça no chão. A Polícia Militar (PM) esteve no local e o agressor assinou um termo circunstanciado.

A vítima foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Santa Isabel e ficou internado em coma até o domingo, quando faleceu. Ele foi velado ontem (26) no Cemitério Jardim da Saudades, na BR-470.

Agora a Polícia Civil vai dar seguimento ao caso. O motorista pode responder pelo crime de agressão corporal seguida de morte.

Um comentário

  1. salvo melhor juízo, e, combatendo essa forma de violência cabal no trânsito, é muito comum caminhoneiros praticarem manobras perigosas e, colocando em risco a vida das pessoas que estão em veículos menores. Como o policiamento é falho, aproveitam-se da situação. A agressão ao motorista deve sim ser motivo de sentença exemplar, pois não é dessa forma que vamos resolver os problemas ( e, muitos) do trânsito

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome