Preso com fuzil de guerra na capital é solto em audiência de custódia

Um homem foi preso na madrugada deste sábado (19) em Florianópolis após policiais militares encontrarem um fuzil de guerra com munições em uma residência. Porém, o detido foi posto em liberdade provisória na audiência de custodia por não “demonstrar a periculosidade social efetiva” e por não ter passagens.

Com o fuzil AR-15 calibre 556, de fabricação estadunidense, foram encontradas 30 munições intactas. A apreensão é fruto de uma investigação da inteligência da Polícia Militar que apontou a residência como local de armazenamento de armas para uma facção criminosa que atua em Santa Catarina.

A juíza substituta Ana Luisa Schmidt Ramos afirmou que “não há nos autos registro que demonstram a periculosidade social efetiva e a real possibilidade de que o conduzido, solto, venha a cometer infrações penais, tão pouco há ações penais em desfavor do indiciado constatando a habitualidade criminosa”.

Outro fato curioso foi que a magistrada determinou ao Comando Geral da Polícia Militar explique em até 48h porque o homem foi conduzido a delegacia sem camisa. Já o homem que portava o fuzil, com alcance de tiro de 550 metros, terá de se apresentar periodicamente ao juízo e manter o endereço atualizado.

Fuzil AR-15 recolhido pela Polícia Militar em Florianópolis
Fuzil AR-15 recolhido pela Polícia Militar em Florianópolis

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here