Vereador de Indaial é acusado de furtar mercadorias de mercado em BC

Vereador Fink após ser detido pela Polícia Militar - foto das redes sociais
Vereador Fink após ser detido pela Polícia Militar – foto das redes sociais

O vereador Antônio Carlos Fink (PSDB), presidente da Câmara de Indaial, foi detido nesta sexta-feira (21) em Balneário Camboriú acusado de furtar produtos de um supermercado. A defesa do político afirmou que foi mal-entendido.

Segundo informações da Polícia Militar, os seguranças do supermercado Big detiveram Fink ao sair de um banheiro pela suspeita de que iria se evadir sem pagar. Ele afirmou que era um aposentado e que ainda faria o pagamento.

Na chegada dos policiais militares, o acusado informou que haviam produtos em seu carro no estacionamento. Lá foram encontrados diversos produtos, sendo que alguns não estavam com notas fiscais. Todo o material foi recolhido.

Somente na Polícia Civil que Fink foi reconhecido como vereador. Ele foi ouvido e liberado. A reportagem entrou em contato com a defesa do vereador a resposta é que “foi um mal-entendido que será esclarecido”.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome