Uma ameaça real e permanente

Bandeiras a meio mastro no consulado da Áustria em Blumenau, em homenagem as vitimas do atentado terrorista em Viena.
Bandeiras a meio mastro no consulado da Áustria em Blumenau, em homenagem as vitimas do atentado terrorista em Viena.

A eleição americana com a vitória de Joe Biden, pouco pode oferecer na defesa do mundo livre. Donald Trump eliminou o número 1 do Estado islâmico. Barack Obama eliminou Bin Laden.

A ameaça do terrorismo internacional é real e permanente.
Enquanto governantes criam ou entram em conflitos para tornarem-se hegemônicos, a população paga com a vida.

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan, apesar de ser membro da OTAN e ex aspirante à adesão à União Europeia, acusa incessantemente a Europa, e especialmente a França, de maltratar os muçulmanos, com idas e vindas ameaçadoras de boicotes e sanções.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome