Temer libera R$ 100 milhões para dívida com a saúde em Santa Catarina

O governador Pinho Moreira entregou ao presidente da República, Michel Temer, na quarta-feira, um ofício, solicitando o pagamento da dívida da União para com o Estado na área da Saúde (Julio Cavalheiro / Secom)
O governador Pinho Moreira entregou ao presidente da República, Michel Temer, na quarta-feira, um ofício, solicitando o pagamento da dívida da União para com o Estado na área da Saúde (Julio Cavalheiro / Secom)

O presidente Michel Temer confirmou na sexta-feira (23) que irá repassar R$ 100 milhões em dez parcelas para a saúde em Santa Catarina. O pagamento foi um pedido do governador Eduardo Pinho Moreira devido a um déficit de R$ 212.909.318 ao ano no valor devido.

“Tínhamos solicitado na nossa última visita o repasse emergencial de R$ 53 milhões. O rápido retorno do presidente, Michel Temer, mostra a sua sensibilidade com a situação de Santa Catarina”, afirmou o governador Pinho Moreira.

Os serviços na área da Saúde, realizados sem a cobertura federal, causaram um déficit mensal de R$ 17.742.359,85, chegando aos R$ 212,9 milhões ao ano. O valor é resultado de um estudo feito em conjunto pelas equipes técnicas da Secretaria de Estado da Saúde e do Ministério da Saúde, e por integrantes do Fórum Parlamentar Catarinense.  O grupo analisou mês a mês a prestação dos serviços de alta e média complexidades do Estado e dos municípios e também o que foi repassado pela União.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome