Tem drama e mistério no CineArte desta semana

e338d1f86f3de6d17b4b97662bc2d500

Cheio de mistério e drama, o filme policial Rashomon é a atração do CineArte desta segunda-feira (23) às 19h30, no Cine Teatro Edith Gaertner da Fundação Cultural de Blumenau.

O filme japonês foi escrito e dirigido por Akira Kurosawa em 1950. O trabalho foi feito em estrita colaboração com o diretor de fotografia Kazuo Miyagawa. A sessão é exibida em parceria com o Sesc e a classificação etária é de 16 anos. A entrada é franca.

O filme descreve um estupro e assassinato através dos relatos amplamente divergentes de quatro testemunhas, incluindo o próprio criminoso e, através de um médium (Fumiko Honma), a própria vítima. A história ocorre no Japão do século XI. Durante uma forte tempestade, um lenhador (Takashi Shimura), um sacerdote (Minoru Chiaki) e um camponês (Kichijiro Ueda) procuram refúgio nas ruínas de pedra do Portão de Rashomon.

O sacerdote conta os detalhes de um julgamento que testemunhou, envolvendo o estupro de Masako (Machiko Kyô) e o assassinato do marido dela, Takehiro (Masayuki Mori), um samurai. Em flashback é mostrado o julgamento do bandido Tajomaru (Toshirô Mifune). No processo são ouvidas quatro testemunhas, inclusive de Takehiro, por meio de um médium. Cada um é uma “verdade”, que entra em conflito com os outros.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome