Sobe para 16 os casos suspeitos de coronavírus 2019 n-Cov no Brasil

O Ministério da Saúde atualizou em 16 o número de casos considerados suspeitos de coronavírus 2019 n-Cov no Brasil. Segundo balanço divulgado às 12h de hoje (1º), já foram descartados outros dez casos.

Em Santa Catarina, até o momento, são dois pacientes sob análise; dois outros casos foram descartados. A unidade federativa que apresenta maior número de casos suspeitos é São Paulo, com 8 ocorrências. Dois foram descartados.

O Rio Grande do Sul registra 4 casos; outros três já foram descartados. A lista inclui ainda o Paraná e o Ceará, com um caso suspeito em cada.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou hoje (1º) para 11.953 o número de casos confirmados de coronavírus em todo o planeta. Deste total, 11.821 foram identificados em território chinês, com 259 mortos.

Três laboratórios brasileiros já podem diagnosticar coronavírus - foto de Josué Damacena
Três laboratórios brasileiros já podem diagnosticar coronavírus – foto de Josué Damacena

Histórico

Os coronavírus são conhecidos desde meados dos anos 1960 e já estiveram associados a outros episódios de alerta internacional nos últimos anos. Em 2002, uma variante gerou um surto de síndrome respiratória aguda grave (Sars) que também teve início na China e atingiu mais de 8 mil pessoas.

Em 2012, um novo coronavírus causou uma síndrome respiratória no Oriente Médio que foi chamada de Mers. A atual transmissão foi identificada em 7 de janeiro, quando um escritório da OMS buscava respostas para casos de uma pneumonia que afetava moradores na cidade de Wuhan.

Na última quinta-feira (30), a OMS declarou estado de emergência global em saúde devido ao coronavírus.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome