Siga é obrigado a liberar o acesso ao sistema de Cartões

Cartão estudantil (Jhulian Pereira)
Cartão estudantil (Jhulian Pereira)

A Justiça decidiu nesta quinta-feira (28) que em 48 horas o Consórcio Siga disponibilize ao município todos os dados tecnológicos necessários para o funcionamento de bilhetagem eletrônica.

Se o Consórcio Siga atender a exigência, os usuários poderão utilizar todos os créditos do cartão e ainda utilizar este mesmo cartão para recarga, amenizando os transtornos à comunidade, sem necessidade de recadastramento. Caso o Consórcio não cumpra a ordem judicial, poderá ser multado em R$ 500 mil.

A decisão aconteceu em virtude do acionamento do Ministério Público de Defesa do Consumidor por parte da prefeitura na quarta-feira (27). Em nota, o Executivo manifestou: “considerando que o sistema atual de bilhetagem eletrônica do município possui 150 mil cartões cadastrados, seriam necessários aproximadamente, cinco meses de trabalho para promover o recadastramento de todos os usuários. Com a decisão judicial de fornecimento dos dados atendida, a transição de sistema será muito mais rápida e não trará prejuízos e maiores transtornos a comunidade.”

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome