SC reduz a cinco meses intervalo reforço contra a Covid-19 em idosos

Vacinação contra a Covid-19 em idoso - foto de Marcelo Martins
Vacinação contra a Covid-19 em idoso – foto de Marcelo Martins

Santa Catarina terá dose de reforço na imunização de idosos de 60 anos ou mais contra a Covid-19 cinco meses após completarem o esquema vacinal com as duas doses ou a dose única. A proposta foi aprovada em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) ontem (21).

Segundo o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, a antecipação da dose de reforço para os idosos é uma excelente notícia. “A antecipação é um grande ganho para Santa Catarina. Além de ampliarmos a proteção deste grupo, também atendemos uma solicitação dos municípios.”

Com relação à aplicação da dose de reforço, até o momento foram aplicadas pouco mais de 162.190 doses em idosos com 60 anos ou mais. Entre eles, 30,5% daqueles com idade acima de 80 anos, 23,4% dos de 70 a 79 anos e 1,2% dos idosos de 60 a 69 anos já receberam a vacinação suplementar, segundo dados do Vacinômetro SC.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome