Rompimento de barragem não causou grandes danos em Arvoredo

O rompimento da Barragem do Vacaro, que é uma Central Geradora Hidrelétrica de Ponte Serrada, obteve uma grande repercussão em Santa Catarina e no país, mas felizmente não causou grandes danos na cidade de Arvoredo, no Oeste catarinense. O município fica a 56 km – em linha reta – da barragem e preocupou a Defesa Civil do Estado. Foram mobilizadas equipes de socorro de várias cidades.

Acompanhe mais notícias sobre as chuvas

O incidente aconteceu às 14h30 da sexta-feira (27) e chegou a interromper o trânsito na BR-282 com um metro de água. “O terreno acidentado no percurso, as quatros Pequenas Centrais Hidrelétricas da região, e o trecho sinuoso contribuíram para que o volume não fosse tão expressivo. A própria presença do Estado, em Arvoredo deu mais tranquilidade para nós e para população”, frisou o coordenador municipal da Defesa Civil, Hélio Márcio.

As águas alcançaram a medida de 80 centímetros ao se aproximar do perímetro urbano de Arvoredo. O Rio Irani, que recebeu o grande volume de água, passou dos 6 metros. Porém na manhã deste sábado (28), o nível do rio estava em pouco mais de 5 metros. “Embora o cenário das chuvas seja preocupante, a Defesa Civil do município segue em Estado de Atenção”, disse Márcio.

Danos em Arvoredo (Foto: Defesa Civil SC/Divulgação)
Danos em Arvoredo (Foto: Defesa Civil SC/Divulgação)

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome