PRF multou veículos nos protestos em Santa Catarina

WhatsApp-Image-20160510 (1)
Trevo da BR 282 com BR 158 em Maravilha, no Oeste, foi bloqueado na terça-feira (PRF)

Desde o início da semana os movimentos sociais que defendiam a permanência da presidente Dilma Rousseff (PT) realizaram bloqueios nas rodovias federais, inclusive em estradas catarinenses.

Na terça-feira (10) os bloqueios aconteceram em rodovias em Irani, Maravilha e São Cristóvão do Sul, oeste de Santa Catarina. Os manifestantes eram do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e outros grupos sociais.

Procurada pela assessoria de imprensa, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que cerca de 15 multas foram aplicadas em veículos por diversas infrações. Uma delas é a mesma aplicada nos protestos dos caminhoneiros em 2015 por “interromper, restringir ou perturbar a circulação”, de R$ 5.746,00. Essa multa também prevê a abertura de processo para suspensão do direito de dirigir por até 12 meses.

Outras multas também foram aplicadas em ônibus que manobraram na contra-mão, circularam no acostamento e estacionaram nos canteiros.

Segundo a PRF, não importa a quem o veículo pertença nem o tipo de movimento. “Toda infração cometida e visualizada pelos PRFs foi notificada”, afirmou o chefe do Núcleo de Comunicação da PRF, Adriano Fiamoncini.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome