segunda-feira, 17 de junho de 2024
22.5 C
Blumenau

Prefeito determina férias em unidades municipais de ensino

O prefeito Mário Hildebrandt determinou férias escolares nas unidades municipais de ensino até o dia 17 de abril. O objetivo é realizar adequações de segurança após o ataque com quatro mortes  ao CEI Cantinho do Bom Pastor na última semana.

O recesso de professores e alunos terá duração de uma semana, sendo retomado o atendimento na segunda-feira, dia 17 de abril. O período de férias será utilizado para organizar legalmente a contratação da segurança privada.

“[…] esse tempo será importante para todos. Aos pais e responsáveis, dias de descanso com os pequenos depois de tanta angústia, e ao Município, dias de trabalho para que consigamos agilizar a contratação de segurança armada para o atendimento”, afirmou o prefeito Mário Hildebrandt por meio de comunicado.

O período de férias escolares antecipadas também será necessário para trabalhar na viabilização das demais medidas anunciadas, além da contratação da segurança armada para as unidades de educação.

Prefeito Mário e vice Maria Regina em reunião
Prefeito Mário e vice Maria Regina em reunião

Outras medidas

O Município anunciou ainda a revisão dos muros, cercamento, controle e acesso de pessoas em todas as escolas e Centro Educacionais que pertecem a rede municipal de ensino. Também está sendo elaborado um plano de contingência pela Defesa Civil.

Haverá a ampliação de equipes multidisciplinares, com psicólogos e assistentes sociais e a busca junto ao Governo de Santa Catarina pra contratação de Policiais Militares aposentados da reserva para segurança armada nas unidades. Mas a Prefeitura também deve contratar vigilância particular armada.

Serão implantadas também câmeras de segurança em todas as unidades municipais. Os equipamentos estarão em pontos específicos, integradas à Central de Controle Operacional. A Polícia Militar também deve ter acesso às imagens.

Redação
Redação
Acompanhe nosso trabalho diariamente.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas