Prefeito abre mão de veículo de luxo para transportar pacientes

Os graves reflexos da crise econômica brasileira atingem também o Poder Público. O Farol noticiou ontem (30) que o Governo Federal já cortou R$ 92,4 bilhões de seu orçamento, mas os reflexos são ainda mais intensos nos pequenos municípios.

Em Irani, no Oeste de Santa Catarina e a 477 km de Florianópolis, o prefeito Mauri de Lima (PSDB) abriu mão do veículo de luxo usado no seu gabinete, um Toyota Corola, para atender exclusivamente os serviços da Secretaria de Saúde. Ele argumentou que a situação financeira impede a compra de novos veículos.

“Estamos nos adequando como dá para não deixar a saúde de nosso perecer, e este veículo resultará na melhor qualidade do serviço prestado para à comunidade”, manifestou o chefe do Executivo da cidade de 9.534 habitantes. Em seguida, ainda afirmou: “É nossa obrigação procurar sempre atender melhor a saúde”.

Qual sua opinião sobre essa atitude?

Veja a publicação de Lima no Facebook:

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome