Policial é queimado ao tentar salvar homem no Norte Catarinense

Um policial militar sofreu graves queimaduras ao tentar salvar um homem durante uma ocorrência de violência doméstica nesta terça-feira (10) em Rio Negrinho, no Norte Catarinense. O militar foi transferido e internado em Joinville.

A Polícia Militar foi acionada para atender a uma ocorrência de violência doméstica no bairro Jardim Hantschel, onde um homem ameaçava atear fogo em si mesmo e também incendiar a casa da sua ex-companheira com gasolina.

Ao perceber que o homem estava se encharcando de combustível, o policial o segurou para evitar o ato. Porém, o homem conseguiu acender um isqueiro e incendiou o policial também, causando graves queimaduras em ambos.

Colete do policial queimado durante ocorrência em Rio Negrinho - foto da PMSC
Colete do policial queimado durante ocorrência em Rio Negrinho – foto da PMSC

Os dois foram rapidamente socorridos por outros policiais até a chegada da Guarnição do Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Eles foram levados até a Fundação Hospitalar de Rio Negrinho.

Após receber os primeiros atendimentos, o policial foi transferido para o Hospital Dona Helena em Joinville pelo helicóptero Águia da Polícia Militar, onde irá receber atendimento especializado devido a gravidade das lesões. O homem tem passagens policiais por tráfico de drogas, lesão corporal grave, furto, posse de drogas, dano, violência doméstica, roubo e porte ilegal de arma de fogo.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome