Morre em Blumenau aos 87 anos doutor Walmor Erwin Belz

Doutor Walmor Erwin Belz havia sido homenageado no ano passado por 61 anos de trabalho no Hospital Santa Isabel

Morreu neste sábado (6) em Blumenau o doutor Walmor Erwin Belz, que dedicou 61 anos de trabalho ao Hospital Santa Isabel. Ele era viúvo e deixa dois filhos. O prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, declarou luto oficial por três dias.

O velório será realizado na Capela Frei Edgar, anexo ao Cemitério São José, Centro de Blumenau, com a previsão de início para as 22h deste sábado. A cerimônia de cremação acontecerá amanhã, às 14h.

Histórico

Walmor Belz havia sido homenageado no ano passado pelo Hospital Santa Isabel pelas seis décadas de dedicação, onde registrou desde 1957 mais de 190 mil prontuários de atendimento. Ele foi responsável pela criação do serviço de Cirurgia Vascular no HSI em 1986, mesmo ano em que fundou o Centro de Estudos.

Também foi presidente da comissão que implantou o curso de Medicina da Universidade Regional de Blumenau – Furb, o primeiro no interior de Santa Catarina.

Além de médico, Belz se dedicou aos esportes, sendo o camisa 10 do time de futebol do Grêmio Esportivo Olímpico. Conhecido como “Garoto de Ouro da Alameda Rio Branco” foi campeão nas categorias juvenil e aspirantes da Liga Blumenauense e campeão estadual em duas ocasiões. Chegou a treinar em times como Vasco da Gama e Olaria, ambos no Rio de Janeiro, mas acabou optando pela medicina.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome