Ministério da Agricultura declara emergência por nuvem de gafanhotos em direção a RS e SC

Nuvem de gafanhotos na Argentina – foto de Governo de Cordoba

O Ministério da Agricultura, pecuária e Abastecimento declarou estado de emergência fitossanitária hoje (25) no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina devido ao risco de chegada da praga schistocerca cancellata.

O estado de emergência tem prazo de um ano, e permitirá a implementação de plano de supressão da praga e adoção de medidas emergenciais. A nuvem de gafanhotos está a 250 quilômetros da fronteira do Rio Grande do Sul com a Argentina.

Apesar do receio de que os insetos cheguem ao Sul do Brasil, especialistas argentinos afirmaram que eles devem seguir em direção ao Uruguai. A ocorrência e o deslocamento da nuvem de gafanhotos são influenciados pela temperatura e circulação dos ventos.

O fenômeno é mais comum com a temperatura elevada. Segundo o setor de Meteorologia da secretaria gaúcha, há expectativa de aproximação de uma frente fria pelo Sul do estado, que deve intensificar os ventos de norte e noroeste, “potencializando o deslocamento do massivo para a Fronteira Oeste, Missões e Médio e Alto Vale do Rio Uruguai”.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome