terça-feira, 27 de fevereiro de 2024
23.7 C
Blumenau

Linhas escolares do transporte coletivo retomam operação

A Secretaria de Trânsito e Transportes informou por meio de nota que a partir de segunda-feira (6) as viagens e horários escolares de ajuda do transporte coletivo retomam a operação por conta do retorno do ano letivo em Blumenau.

Ao todo são 82 viagens escolares de ajuda que ficaram suspensas durante o período de recesso escolar e agora incrementam novamente o serviço de atendimento semanal para o período letivo em Blumenau. Essas viagens atendem cerca de 12 mil alunos por dia e retornam conforme o retorno de demanda das instituições.

“No dia 6 retornam às aulas da rede municipal e no dia 8 às aulas das redes estadual, particular e de cursos técnicos. Ou seja, as linhas que atendem essas instituições retomam conforme a demanda nesses dias” explica o diretor de transportes Lairto Leite.

Estação do transporte coletivo - foto de Eraldo Schnaider - PMB
Estação do transporte coletivo – foto de Eraldo Schnaider – PMB

Ao todo são 16 linhas com acréscimo de horários, entre elas as troncais 10, 11, 12, 30 e 32; além das linhas alimentadoras 120, 122, 124, 151, 155, 320, 405, 501, 506, 616 e 804.

A atualização das tabelas de horários disponíveis pode ser conferida no site ou aplicativo da empresa concessionária do serviço bem como nas plataformas de horários de ônibus instaladas nos terminais urbanos da cidade.

Cartão estudante

Os estudantes que possuem o cartão escolar contam com desconto de 50% no valor integral da passagem do transporte coletivo, conforme Lei municipal nº 4175/1992. Lembrando que o titular do cartão pode fazer a compra de até 500 créditos anuais, que cobrem as passagens necessárias para o deslocamento de todo o período letivo.

O processo de emissão do cartão pode ser feito online. Para ter um cartão da modalidade estudante, o titular precisa residir a mais de um quilômetro de distância da instituição de ensino para ter direito ao benefício.

Redação
Redação
Acompanhe nosso trabalho diariamente.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas