Intervenção militar russa na Síria

unnamed

Nas últimas semanas a Rússia despachou um grande número de conselheiros militares à Síria e está planejando a criação de uma base aérea na província de Latakia para conduzir ataques aéreos em nome do regime de Bashar al-Assad.

Uma autoridade norte-americana não identificada disse à agência Reuters que Washington detectou “passos preparatórios preocupantes” pelos russos, que poderiam sinalizar que o país “está preparando a implantação de meios militares pesados”.

A entrada da Rússia na arena síria muda “as regras do jogo”. Com o envio de  milhares de militares, Putin faz o jogo múltiplo e reafirma o apoio de Moscou ao regime de Bashar al-Assad.

Russos e iranianos chegaram a uma decisão estratégica: preservar o poder de Assad, de modo que a Síria possa agir como uma barreira e impedir a propagação do ISIS e o apoio de milícias nas ex-repúblicas islâmicas soviéticas.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome