Grupo de 27 réus por tráfico recebe pena de 270 anos em Presidente Getúlio

Homem preso por policial em Blumenau - foto da Polícia Militar
Homem preso por policial em Blumenau – foto da Polícia Militar

O juízo da Vara Única da comarca de Presidente Getúlio condenou 27 réus a penas que, somadas, ultrapassam 273 anos de reclusão em processo com mais de seis mil páginas que apurou o crime organizado. O grupo teria atuado até 2018.

Homens e mulheres foram condenados por crimes como o tráfico de drogas e associação para o tráfico, lavagem de capitais, falsidade ideológica e posse irregular de arma de fogo de uso permitido. A sentença é do juiz Felipe Agrizzi Ferraço.

Segundo denúncia do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), o grupo teria atuado até o ano de 2018 em diversas cidades da região do Alto Vale do Itajaí. As penas de reclusão dos réus variaram de um ano a 17 anos de reclusão, mais pagamento de 12 a 2498 dias-multa. A decisão prolatada no mês passado em primeiro grau, é passível de recurso. Oito tiveram negado o direito de recorrer em liberdade

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome