Governo anuncia aumento de R$ 0,22 na gasolina

Wilson Dias/ABr
Novo ministro da Fazenda de Dilma Rousseff, Joaquim Levy (Wilson Dias/ABr)

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, anunciou nesta segunda-feira (20) quatro medidas de aumento de tributos que tem com objetivo de incrementar R$ 20 bilhões de arrecadação para o governo. Uma das mais impactantes será o aumento de R$ 0,22 na gasolina e R$ 0,15 no diesel a partir do dia 1° de fevereiro.

Outra medida será o aumento na alíquota do PIS/Cofins sobre a importação, que passará de 9,25% para 11,75%. Levy afirmou que o objetivo é equiparar a tributação nacional a de importados depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) retirou o ICMS da base de cálculo nas importações.

Ainda será restabelecida a alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre operações de crédito de 1,5% para 3%. Isso significa que o empréstimo pessoal ficará mais caro. Um decreto também vai equiparar o atacadista ao setor industrial para o efeito de incidência no IPI no setor de cosméticos.

É uma sequência de ações para reequilibrar a economia do ponto de vista fiscal e aumentar a confiança e o entendimento dos agentes econômicos para que em algum momento tenhamos a retomada da economia em novas condições — afirmou Levy.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome