quarta-feira, 19 de junho de 2024
22.8 C
Blumenau

Gás de cozinha deve ficar mais barato em Santa Catarina

Os catarinenses deverão pagar menos pelo gás de cozinha segundo comunicado da Secretaria de Estado da Fazenda divulgado hoje (2). O botijão de 13 quilos ficará, em média, R$ 8 mais barato: passando dos atuais R$ 122,4 para R$ 113,9.

A redução ocorre devido à implementação do chamado ICMS monofásico, que estabeleceu uma alíquota uniforme de cobrança do imposto em todo o País para o GLP (gás de cozinha), o diesel e o biodiesel desde segunda-feira, 1º de maio.

Com a mudança, o ICMS passou a ter o valor fixo de R$ 1,25 por quilo de GLP em todo o território nacional – o valor foi definido pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e levou em conta a média das alíquotas praticadas pelos Estados.

Distribuidora de gás de cozinha - foto de Caetano Barreira
Distribuidora de gás de cozinha – foto de Caetano Barreira

Em Santa Catarina, o ICMS estava fixado em 17%, mesmo percentual aplicado aos combustíveis, por exemplo. Agora, a partir do novo modelo de tributação, o custo do quilo do gás ficou R$ 0,66 mais barato no Estado.

Na prática, o catarinense ainda pode levar alguns dias para notar a diferença nos preços. É que o novo valor do botijão é calculado pela SEF com base na redução do imposto, mas o preço final é definido por cada estabelecimento.

Redação
Redação
Acompanhe nosso trabalho diariamente.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas