Gaeco desmantela grupo que fraudava energia em Blumenau

Uma operação desmantelou nesta quinta-feira (7) um grupo que fraudava medidores de energia elétrica em BlumenauJaraguá do Sul, Indaial e Chapecó. A ação foi do Grupo de Atuação Especial de Combate as Organizações Criminosas (Gaeco) com apoio da 10ª Promotoria de Justiça da Comarca, de Chapecó.

Ao todo, foram cumpridos quatro mandados de prisão, 17 mandados de busca e apreensão e uma condução coercitiva. Os medidores de energia elétrica de eram usados em estabelecimentos comerciais. Em apenas um dos locais de busca, foram apreendidos 30 medidores de origem ilícita, além de cheques e dinheiro.

O Gaeco acompanhou durante três meses todos os passos do grupo criminoso. Nesse período foram identificados 35 estabelecimentos comerciais beneficiados. Pelas investigações, demonstrou-se que a associação, composta por pelo menos sete integrantes, atuava há mais de dois anos em Santa Catarina.

Centenas o número de estabelecimentos comerciais foram beneficiados com a atuação do grupo criminoso. Além da unidade do Gaeco de Chapecó, participaram os grupos de Lages, Joinville, Blumenau e Itajaí, além de técnicos da Celesc apoiados por peritos do Instituto Geral de Perícias (IGP).

O Gaeco é uma força-tarefa composta pelo Ministério Público de Santa Catarina, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Secretaria da Fazenda.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome