Emocional não compromete desempenho, diz Thiago Silva

thiago-silva_1kdgsjhwzbs9v156jy1vf9jvgn

A Seleção Brasileira está se preparando para no sábado enfrentar o Paraguai. Com mais dias para treinar, quatro no total, Dunga vai aproveitar para dar entrosamento à equipe que venceu a Venezuela por 2 a 1. Assim, provavelmente, Philippe Coutinho e Robinho devem continuar no time titular.

A equipe tentam no sábado, uma revanche contra o Paraguai, já que o Brasil foi eliminado pelos paraguaios na última Copa América em 2011, nos pênaltis. Do time que estava na Argentina naquela ocasião, somente Robinho e Thiago Silva vão atuar no sábado. Aliás, o zagueiro foi um dos jogadores que desperdiçou sua cobrança.

Mais experiente, mesmo criticado na Copa do Mundo, o zagueirão Thiago Silva diz que não vai mudar o seu estilo dentro de campo e, principalmente, na hora do Hino Nacional.

“Cara, eu acho que nunca deixei de ser o Thiago Silva, né? Embora, as pessoas falem muito dessa questão da emoção, do hino, mas acho que em nenhum momento eu comprometi, enquanto a bola tava rolando, né? A emoção faz parte da pessoa que ama aquilo que faz, né?”, argumentou.

Nesta quarta, a Seleção voltou a treinar à tarde no Centro de Treinamentos da Universidad de Chile. Quinta-feira à noite viaja a Concepción e sexta-feira faz o reconhecimento do gramado no Estádio Municipal de Concepción. No sábado, o Brasil joga pela permanência na Copa América contra o Paraguai, pelas quartas de final do torneio.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome