terça-feira, 29 de novembro de 2022
24.2 C
Blumenau

Dia Nacional da Áustria

A Áustria deve sua libertação do nacional-socialismo a eles: os soldados das forças aliadas dos EUA, União Soviética, Grã-Bretanha e França. O feriado nacional austríaco é comemorado anualmente em 26 de outubro desde 1965, dia em que a neutralidade da Áustria , decidida em 1955, entrou em vigor. Este dia de recordação substituiu o antigo Dia da Bandeira como feriado nacional.

O status legal internacional de neutralidade permanente da Áustria é resultado da Guerra Fria. No Memorando de Moscou, documento político de 15 de abril de 1955, a delegação austríaca prometeu que a Áustria adotaria um status de neutralidade seguindo o modelo suíço.

Essa promessa abriu caminho para a conclusão das negociações do Tratado do Estado Austríaco com a União Soviética, Estados Unidos, Reino Unido e França, a assinatura deste Tratado em 15 de maio de 1955 e a retirada das Forças Aliadas que haviam ocupado a Áustria desde 1945. Em 26 de outubro de 1955, primeiro dia sem tropas estrangeiras na Áustria, o parlamento aprovou a Lei Constitucional sobre a Neutralidade da Áustria, na qual o país declarou sua neutralidade permanente e se comprometeu a manter e defender sua neutralidade com todos os meios à sua disposição.

A neutralidade austríaca tem sido um elemento fundamental da política externa desde que foi decidida em 26 de outubro de 1955 – um dia depois que as tropas de ocupação deixaram a Áustria . Desde 1965, 26 de outubro é o feriado nacional. No entanto, a neutralidade da Áustria foi de fato restringida por sua adesão à União Europeia em 1º de janeiro de 1995 e por outras novas disposições constitucionais aprovadas desde então.

Sérgio Campregher
Sérgio Campregher
Sérgio Campregher é historiador pela Uniasselvi/Fameblu e fala sobre política nacional e internacional e curiosidades. Escreve de Blumenau.
+ notícias

Últimas notícias

- publicidade -

Mais lidas