CineArte registra a reação dos trabalhadores contra a exploração

f702642eef3caf48e5e0390bebfea80d
Germinal é atração no CineArte

Germinal conta a história da exploração dos trabalhadores franceses pela aristocracia burguesa do século XIX. A classificação etária do último filme do CineArte deste mês é 14 anos. A sessão começa às 19h30, no Cine Teatro Edith Gaertner, da Fundação Cultural de Blumenau. Os filmes são rodados em parceria com o Sesc e a entrada é franca.

A produção de 1993 tem direção de Claude Berri. Nos 160 minutos de duração, o filme mostra a exploração dos trabalhadores franceses no século XIX. A aristocracia burguesa oferecia condições miseráveis para seus empregados.

Para acabar com tanta exploração, os mineradores de uma grande empresa decidem organizar uma greve e se rebelam contra os chefes. Entretanto, ao se levantarem contra o sistema, passam ser alvos da repressão das autoridades o que instala o caos na região.

Germinal é um filme produzido pela França, em 1993, do gênero épico baseado no romance homônimo do consagrado escrito Émile Zola. Ele foi um considerado criador e representante mais expressivo da escola literária naturalista além de uma importante figura libertária da França.

Zola foi assassinado por desconhecidos em 1902, quatro anos depois de ter publicado o famoso artigo J’accuse, em que acusa os responsáveis pelo processo fraudulento contra o capitão do exército francês de origem judaica Alfred Dreyfus. Injustamente acusado e condenado por traição – depois anistiado e reabilitado – , o capitão foi o centro de um famoso episódio de conotações sociais e políticas, durante a Terceira República Francesa, e que ficou conhecido como o Caso Dreyfus.

Saiba mais

Local: Cine Teatro Edith Gaertner, Fundação Cultural de Blumenau (Rua XV de Novembro, 161, Centro)
Horário: 19h30min
Entrada franca

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome