Catarinenses vão iniciar testes de vacina com potencial contra o Covid-19

Pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina e do Hospital Universitário de Florianópolis anunciaram hoje (16) que vão iniciar testes com uma vacina para poliomielite que, supostamente, previne e reduz os sintomas da Covid-19.

Inicialmente serão testadas 300 profissionais da área da saúde da Grande Florianópolis, em função da exposição dele ao vírus. A ideia é achar uma solução emergencial para a doença provocada pelo novo coronavírus.

Sobe o número de suspeitas de infecção por coronavírus no país - foto de Josué Damacena
Sobe o número de suspeitas de infecção por coronavírus no país – foto de Josué Damacena

Como uma vacina especifica pode demorar mais de um ano para ser desenvolvida, um grupo de pesquisadores mapeou entra as imunizações já existentes.

A expectativa é divulgar os primeiros dados da pesquisa em três ou quatro meses, enquanto em seis meses será possível ter um resultado final. Os trabalhos serão no Centro de Pesquisa do Hospital Universitário de Florianópolis.

A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc) é a única financiadora do projeto e vai destinar quase R$ 100 mil via edital de fomento.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome