Brasil registra mais de 2,4 mil casos de microcefalia

O Brasil registrou pouco mais de 2.400 notificações de microcefalia em 20 estados. Desse total, 134 tem relação com a infecção por Zika vírus, segundo o Ministério da Saúde.

Pernambuco tem 874 casos em investigação. Sergipe tem 51 casos já confirmados. Em seguida está o Rio Grande do Norte, com 35 casos, e Pernambuco, com 29. Na Paraíba também há casos confirmados. E no Ceará, houve uma morte.

Os dados são do Informe Epidemiológico sobre Microcefalia, divulgado nesta terça-feira (15), pelo Ministério da Saúde.

O diretor de Vigilância das Doenças Sexualmente Transmissíveis, da Secretaria de Vigilância em Saúde, Cláudio Maierovitch, diz que é preciso redobrar a atenção com o mosquito da dengue, transmissor da zika, da chikungunya e da dengue, principalmente neste período de férias escolares, em que muitas pessoas viajam e deixam as casas sozinhas.

Maierovicht ressaltou que as pessoas que vão viajar para lugar com incidência de Zika, de modo especial as grávidas, adotem medidas de prevenção, como o uso de repelentes e de roupas compridas, para evitar o contato do mosquito Aedes aegypt.

Para conter o avanço da microcefalia no Brasil, o Ministério da Saúde lançou nesta semana um Protocolo de Atenção à Saúde. O documento traz orientações às mulheres grávidas, ou em idade fértil, para combater a infecção pelo Zyka.

O protocolo também traz as recomendações de atendimento aos bebês diagnosticados com microcefalia e determina o atendimento regular às mães, desde o pré-natal.

Um comentário

  1. E a microcefalia, que a real causa dela???Não são estas vacinas vencidas aplicadas na população??Eu não tomo nenhuma vacina fornecida por este governo corrupto.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome