Blumenau renova convênio de trânsito com Governo do Estado

Após semanas de impasse entre a administração municipal e o Governo do Estado, foi renovado o convênio que permite na prática a aplicação de multas pelos agentes da Guarda de Trânsito de Blumenau.

O convênio de trânsito existente desde 2013 com o governo estadual venceu no dia 30 de junho. Blumenau, assim como outras cidades do Estado, inicialmente optou pela não renovação do convênio por não concordar com novas regras propostas pelo Estado, que queria de aumentar de 20% para 30% a divisão do valor arrecadado. Segundo Carlos Lange, presidente do Serviço Autônomo Municipal de Trânsito e Transporte de Blumenau (Seterb), o prejuízo do município seria de ao menos R$ 700 mil ao ano.

Segundo Lange, o acerto aconteceu após Secretaria de Segurança Pública, em Florianópolis, depois que apenas parte das alterações propostas no convênio serem contempladas. As alterações não foram divulgadas.

“Optamos pela renovação porque o […] Estado não teria previsão para instituir a estrutura necessária para a prestação dos serviços relacionados ao trânsito, que em Blumenau sempre foram desempenhadas pela Prefeitura”, afirmou Lange.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome