Autorizado novo saque de até R$ 1 mil do FGTS

Cada trabalhador poderá sacar até 15 de dezembro até R$ 1 mil de suas contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Cerca de 42 milhões de pessoas poderão realizar saques ao valor total de R$ 30 bilhões.

Segundo medida provisória, o saque tem como objetivo diminuir o comprometimento de renda e o endividamento das famílias por causa da crise de Covid-19. O calendário de saques começa em 20 de abril e vai até 15 de junho.

O resgate ocorrerá por meio do aplicativo Caixa Tem, da Caixa Econômica. O dinheiro será depositado numa conta poupança digital, podendo ser transferido posteriormente para uma conta-corrente por meio do celular até 15 de dezembro.

Calendário de saques

Mês de nascimentoData da liberação
Janeiro20 de abril
Fevereiro30 de abril
Março4 de maio
Abril11 de maio
Maio14 de maio
Junho18 de maio
Julho21 de maio
Agosto25 de maio
Setembro28 de maio
Outubro1º de junho
Novembro8 de junho
Dezembro15 de junho

Condições

Cada trabalhador poderá retirar até R$ 1 mil, independentemente do número de contas que tenha. A Caixa esclareceu que quem antecipou o saque aniversário do FGTS e ficou com o valor bloqueado na conta não poderá retirar o valor.

O Ministério do Trabalho e Previdência informa que as demais possibilidades legais de movimentação dos recursos do FGTS continuam válidas. O fundo pode ser sacado nos seguintes casos: despedida sem justa causa, extinção da empresa, aposentadoria, falecimento do trabalhador, pagamento de prestações do financiamento habitacional concedido pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH) a pessoas com idade igual ou superior a 70 anos, além de doenças graves definidas em lei.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome