Após diminuição tarifária, postos começam a reduzir preço do GNV

gás natural gnv

Os 91 mil motoristas com veículos emplacados adaptados ao uso do Gás Natural Veicular (GNV) em Santa Catarina estão começando a sentir a redução tarifária, que está em vigor desde o dia 10 de julho.

A tarifa para o segmento automotivo teve redução de 17,8% no preço praticado aos postos e foi retirado o desconto de oito centavos que a SCGÁS concedia aos clientes desde 2014. Na prática, a redução média foi de 13,06% no valor.

“O GNV sempre apresentou economia real aos usuários e continua sendo a alternativa mais viável para pessoas e empresas que buscam otimizar seus custos relacionados a deslocamentos e logística, principalmente na conjuntura econômica atual. Além disso, o GNV também polui muito menos quando comparado com os demais combustíveis”, destaca o coordenador Automotivo da SCGÁS, Ronaldo Lopes.

Segundo a SCGás, para utilizar o gás natural veicular o motorista precisa investir na instalação do cilindro. O kit de 5ª geração (o mais moderno do mercado), com injeção eletrônica que controla a queima do motor e aumenta a potência, tem custo aproximado de R$ 4,5 mil.

Levando em conta a economia gerada, o consumidor leva cerca de nove meses para recuperar todo o investimento. Por ser um combustível seco, não gera resíduos de carbono na parte interna do motor, aumentando a vida útil e o intervalo de trocas de óleo. O GNV não pode ser adulterado e seu uso não diminui a potência do veículo.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome