Após decisão do TST, trabalhadores dos Correios encerram greve

Agência dos Correios (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Em assembleias realizadas ontem (13), trabalhadores dos Correios de diversos estados aprovaram o fim da greve deflagrada na segunda-feira (12) e o retorno aos trabalhos a partir nesta quarta-feira (14).

A decisão foi tomada após o Tribunal Superior do Trabalho julgar na segunda-feira o impasse sobre o plano de saúde dos empregados. A direção dos Correios defendia a cobrança de mensalidade dos funcionários e restrição do benefício apenas a estes. Os trabalhadores eram contrários a qualquer mudança no sistema, que garantia seguro-saúde a dependentes com pagamento por procedimento.

Privatização

O ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, afirmou que mesmo com o desfecho dado pelo TST o governo não descarta privatizar a empresa. Ao dar entrevista a TV NBR, disse: “Ou os Correios diminuem suas despesas ou vão passar por um processo de privatização”.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome