Airbus da Germanwings com 150 pessoas a bordo cai nos alpes franceses

Airbus A320 da Germanwings, semelhante ao da queda. Empresa oferece passagens a baixo custo e é pertencente a Lufthansa (planespotters.net)
Airbus A320 da Germanwings, semelhante ao da queda. Empresa oferece passagens a baixo custo e é pertencente a Lufthansa (planespotters.net)

Uma tragédia que colocou em choque três países da Europa nesta terça-feira (24/03). Um Airbus A320 da empresa alemã Germanwings caiu na região dos Alpes franceses, em Barcelonette, a cerca de 100 Km da cidade de Nice, no sul da França. O avião fazia o voo 4U9525 e partiu do aeroporto de Barcelona, na Espanha, tendo como destino a cidade de Dusseldorf, no noroeste da Alemanha. Todas as 150 pessoas a bordo morreram.

Segundo informações, o avião decolou de Barcelona por volta das por volta das 9h55 (5h55, horário de Brasília). No entanto, a aeronave deixou de dar sinal por volt das 10h e as 10h47 (6h47, hora de Brasilia) foi emitido um pedido de socorro pelo aeroporto espanhol. O avião foi perdendo altitude por cerca de oito minutos até cair numa região montanhosa de difícil acesso na Alta Provença. Dos 150 ocupantes, 144 eram passageiros e seis integravam a tripulação.

Famílias começam a chegar no aeroporto de Barcelona em busca de informações (BBC Brasil)
Famílias começam a chegar no aeroporto de Barcelona em busca de informações (BBC Brasil)

As reações nos três países foram imediatas. Na França, equipes de bombeiros e de resgate iniciaram os procedimentos de retirada dos corpos e de partes restantes da fuselagem do local. No entanto, os responsáveis pela operação garantem que, sobretudo, a remoção dos corpos pode durar dias por conta do terreno íngreme e de difícil acesso. Não há estradas no local da queda.

Local da queda, nos alpes franceses. Dificuldade de acesso e terreno complicam operações de regate (AFP)
Local da queda, nos alpes franceses. Dificuldade de acesso e terreno complicam operações de regate (AFP)

Na esfera política, o presidente Francois Hollande, juntamente com o primeiro-ministro Manuel Valls se reuniu com o rei espanhol, Felipe VI, que no mesmo dia estava em visita junto da mulher, a rainha Letizia. O encontro traçou os próximos passos na investigação do acidente. Hollande também entrou em contato com a chanceler alemã, Angela Merkel, que está, segundo ela própria, “consternada” com a tragédia.

Em pronunciamento, chanceler alemã Angela Merkel disse estar "consternada" com a tragédia (Reuters)
Em pronunciamento, chanceler alemã Angela Merkel disse estar “consternada” com a tragédia (Reuters)

Na Espanha, o presidente Mariano Rajoy estava em compromisso no interior do país quando soube do acidente. Ele regressou a Madrid para organizar as primeiras investigações do acidente. Famílias das vítimas não pararam de chegar, tanto no aeroporto de Barcelona quanto no aeroporto de Dusseldorf, a procura de informações.

Os passageiros eram, na maioria, espanhóis, turcos e franceses. Entre os passageiros do avião também havia um grupo de crianças com idades entre 11 e 16, estudantes de uma escola na cidade alemã de Haltem-am-See, além de dois bebes.

O Rei Felipe VI (de barba, a esquerda) visitava a França junto da mulher, a Rainha Letizia (dir) quando soube da tragédia. O casal reuniu-se nesta tarde com o presidente francês, François Hollande (centro) para definir rumos da investigação e operações (Reuters)
O Rei Felipe VI (de barba, a esquerda) visitava a França junto da mulher, a Rainha Letizia (dir) quando soube da tragédia. O casal reuniu-se nesta tarde com o presidente francês, François Hollande (centro) para definir rumos da investigação e operações (Reuters)

A Germanwings oferece voos aéreos a baixo custo e é administrada pela Lufthansa, a principal companhia aérea da Alemanha. Fundada em 2002, a empresa não havia passado por situação semelhante e tinha uma boa reputação com relação a segurança. Vale lembrar também que a Lufthansa é uma das mais seguras companhias aéreas para se voar no mundo, ao lado de nomes como a Qantas (AUS), Britsh Airways (ING), Southwest Airlines (EUA), Emirates (EAU), entre outras.

 

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome