Suspeito de matar Inês e Franciele foi preso em Lages

Anderson Tadashi Nakamura

Anderson Tadashi Nakamura, apontado como autor do duplo homicídio da costureira Inês do Amaral, de 57 anos, e sua filha Franciele Will, de 30 anos, foi preso na noite de terça-feira (21) em Lages em uma operação da Polícia Civil.

Ele conhecia as vítimas e chegou a ser vizinho de Inês durante um período. Anderson acabou confessando o crime ainda em Lages após horas de interrogatório. Ele foi transferido para a Central de Polícia de Blumenau durante a noite.

Anderson não teria relatado o motivação do crime, mas matou Inês após uma discussão e esperou Franciele voltar, já que ela viu os dois conversando. Ela foi assassinada quando retornou a residência, cerca de duas horas depois.

O crime

Inês do Amaral e a filha Franciele Will
Inês do Amaral e a filha Franciele Will

A costureira Inês do Amaral, de 57 anos, e sua filha Franciele Will, de 30 anos, foram assassinadas por asfixia no dia 4 de abril de 2018. A mãe foi também espancada e encontrada deitada em uma cama. O filho acabou encontrando as duas horas depois, já durante a noite. Um carro da família foi roubado e abandonado.

Apesar das dificuldades na investigação pela falta de informações, a Polícia Civil manteve o caso aberto e conseguiu apontar o provável autor. Uma coletiva de imprensa será realizada nesta quarta-feira e o Farol irá atualizar as informações.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome