Mário Hildebrandt vai fechar a URB e demitir 642 servidores

Prefeito Mário Hildebrandt durante anúncio de reforma administrativa - foto de Eraldo Schnaider
Prefeito Mário Hildebrandt durante anúncio de reforma administrativa – foto de Eraldo Schnaider

O prefeito Mário Hildebrandt anunciou nesta sexta-feira (8) que irá demitir todos os 642 funcionários públicos da Companhia Urbanizadora de Blumenau (URB), entre efetivos e comissionados. A medida faz parte de uma reforma administrativa.

O objetivo, segundo o gestor, é diminuir gastos públicos e garantir maior eficiência no atendimento à comunidade. Empresa de economia mista, a URB tem a Prefeitura de Blumenau como acionista majoritária. Os contratos com a Urbanizadora, estariam se mostrado ineficientes, segundo Hildebrandt

“Não podemos mais compactuar com essa situação. Por isso estamos iniciando um processo de contratação de empresas em caráter emergencial para que retomem os trabalhos de manutenção na cidade”, explica o prefeito.

Em fevereiro a URB registrou atrasos no pagamento do Vale Alimentação e em parte dos salários dos funcionários. A administração calculava que em três meses o pagamento de direitos trabalhistas também seria afetado.

“Com isso, teríamos a necessidade de realizar novos aportes de recursos para a URB, o que geraria um problema com o fluxo de caixa da Prefeitura, afetando os serviços prestados à comunidade e colocando em risco a folha de pagamento dos servidores municipais”, argumenta Mario Hildebrandt.

Tais dificuldades vêm sendo remediadas com constantes aportes por parte da Prefeitura de Blumenau. Em 2013, por exemplo, o aporte foi de R$ 300 mil. Três anos mais tarde, em 2016, o valor passou para R$ 1,9 milhão e em 2018 chegou à R$ 4 milhões. A projeção é de que em 2020 poderia chegar à R$ 20 milhões.

Os contratos executados pela URB para serviços como limpeza, manutenção e zeladoria serão, em um primeiro momento, contratados em caráter de urgência junto à iniciativa privada. O objetivo é que os serviços sejam normalizados no mês de abril.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome