Apan Vôlei vence a primeira fora de casa e segue invicto na Superliga B

A Apan foi até Canoas (RS) para trazer sua terceira consecutiva vitória na Superliga B – a primeira fora de casa. O adversário foi a APAV Vôlei e o placar final foi de 3 sets a zero, com parciais de 22/25, 22/25 e 12/25.

Publicidade

O time blumenauense ainda não sabe o que é perder na competição, inclusive em número de sets. Superou seus três primeiro desafios por 3 a 0 e com isso soma nove pontos na classificação geral que vai apontar os cruzamento para as quartas-de-final, em melhor de três jogos.

Apesar da vitória por 3 a 0 e do placar dilatado no terceiro set, a partida em Canoas não foi fácil. Primeiro o calor, superando a casa dos 37º graus. Em quadra, um adversário com jogadores jovens, em seu primeiro jogo em casa, diante de uma torcida apaixonada, com mais de 700 pessoas lotando o Ginásio Poliesportivo La Salle.

Apan segue invicto na Superliga B
Apan segue invicto na Superliga B

Foi difícil, principalmente nos dois primeiros sets, onde o time teve bastante dificuldade na recepção, mas paciência para superar os momentos ruins. E com várias mexidas no time, Donegá viu jogadores saindo do banco de reservas para fazer a diferença em quadra.

O técnico André Donegá apontou os ponteiros Lucaian e Matheus como destaques individuais nesta vitória. Mateus, responsável por uma sequência de três aces no último set, ampliando a vantagem em favor da Apan Vôlei Blumenau.

Ao explicar sua boa sequência de aces, o jogoador Matheus creditou isso a confiança. “Como a vantagem era boa naquele momento, deu para forçar o saque”, revelou. Ele espera ter outras oportunidades e novamente aproveitá-las.

Arthur teve mais uma boa atuação, mas acabou sentindo câimbras e foi poupado. No retorno, o atleta vai passar por avaliações para saber se o problema foi apenas esse ou algum tipo de lesão. Com apenas 20 anos, o ponteiro Léo entrou no seu lugar e deu conta do recado.

O próximo compromisso da Apan será novamente em casa, diante da torcida, no próximo sábado, dia 16, às 20 horas, diante da UPIS de Brasília. A expectativa é lotas o Galegão.

Com informações da Apan

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome