Vacinação contra febre amarela é ampliada para todos

Até então a vacina era destinada a pessoas que se deslocavam para áreas com recomendação e países que exigem comprovante (Rovena Rosa/Agência Brasil)
Até então a vacina era destinada a pessoas que se deslocavam para áreas com recomendação e países que exigem comprovante (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Em outubro todos os moradores que ainda não se vacinaram contra febre amarela e que se enquadram na faixa etária de 9 meses a 59 anos de idade poderão se imunizar. Isso porque a partir do segundo semestre de 2018 o Ministério da Saúde tornou os estados do Sul do país Áreas com Recomendação de Vacinação (ACRV).

Em Blumenau a vacinação já acontecia em todos os Ambulatórios Gerais (AGs) para as pessoas que iriam para áreas com recomendação da vacina, e também para aquelas que tinham como destino países que exigiam o comprovante da vacinação.

A partir de outubro a vacinação continuará sendo realizada nos AGs de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, e passará a ser ofertada também nas unidades Estratégia Saúde da Família (ESFs) nas quartas e sextas-feiras, das 8h às 12h, e das 13h às 15h30. A medida visa reduzir o desperdício de doses, já que os frascos possuem de cinco a 10 doses, e o prazo de validade após a abertura é de seis horas.

Devem se vacinar pessoas que estão na faixa etária de nove meses a 59 anos. Acima de 60 anos é necessária a apresentação de prescrição médica. A imunização é contraindicada para crianças menores de seis meses de vida, pessoas com histórico de alergia ao ovo de galinha e seus derivados, imunodeprimidas, gestantes, e mulheres amamentando crianças menores de seis meses.

A medida é preventiva e tem o intuito de antecipar a proteção contra a doença caso haja aumento na área de circulação do vírus. A ampliação da vacinação leva em consideração além do corredor ecológico de circulação viral, a população (de acordo com o IBGE), o total de doses aplicadas na região no período de 1994 a 2017, e o resíduo populacional que ainda precisa receber a vacina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here