Temer anuncia propostas e corta 46 centavos no diesel por 60 dias

Presidente da República, Michel Temer, durante declaração à imprensa (Marcos Corrêa - PR)
Presidente da República, Michel Temer, durante declaração à imprensa (Marcos Corrêa – PR)

Em pronunciamento transmitido em rede nacional, o presidente da República Michel Temer anunciou novas propostas para o retorno dos caminhoneiros ao trabalho. O principal ponto anunciado é a redução de R$ 0,46 no preço do diesel por 60 dias. Após este período, o diesel terá reajustes mensais.

Ele também anunciou uma Medida Provisória que deve isentar a cobrança do pedágio com o terceiro eixo levantado, o caminhão vazio, nas rodovias estaduais e municipais. Nas vias federais essa cobrança já não ocorre.

Assista o pronunciamento:

Pronunciamento Presidente Michel Temer

#AoVivo Acompanhe ao vivo o pronunciamento do presidente da República, Michel Temer:

Posted by Planalto on Sunday, May 27, 2018

Acordo mantido

O presidente também manteve os termos do outro acordo firmado semana passada que acabou não vingando, já que os caminhoneiros não se sentiram representados pelos líderes chamados para a negociação. Os pontos eram:

  • A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) vai contratar caminhoneiros autônomos para atender até 30% da demanda de frete. O governo editará uma medida provisória.
  • Não haverá reoneração da folha de pagamento do setor de transporte rodoviário de cargas
  • Tabela de frete será reeditada a cada três meses
  • Cide, imposto que incide sobre os combustíveis, será zerado em 2018
  • Ações judiciais contrárias ao movimento serão extintas
  • Multas aplicadas aos caminhoneiros em decorrência da paralisação serão negociadas com órgãos responsáveis
  • Entidades e governo terão reuniões periódicas a cada 15 dias
  • Petrobras irá contratar caminhoneiros autônomos como terceirizados para prestação de serviços

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome