O futuro do Clube Atlético Metropolitano

O Metropolitano não esconde de ninguém que a cada dia que passa a situação do clube esta cada vez mais complicada! O Clube corre sérios riscos de ser rebaixado na elite do futebol catarinense, e para piorar a saúde financeira do clube é critica. Muito torcedores me perguntam se existe alguma solução para reverter este quadro. Confira abaixo minha analise sobre este assunto tão complexo.


FOCO: o Futebol precisa ser enxergado como um negocio, onde a uma necessidade muito grande, de capital de giro e investidores, podendo assim, planejar e focar em algum objetivo.

VISIBILIDADE: a cidade e as marcas envolvidas começam a ter visibilidade em todas as mídias, quando os resultados são alcançados, multiplica-se, ficando difícil no momento mensurar, pois de pendendo do calendário, a exposição torna-se anual, nacional e até internacional.

ENTRETENIMENTO: é pujante e claríssima, a euforia da sociedade com um clube que representa bem sua região, pelo orgulho e satisfação de poder comentar resultados, jogos e adversários possíveis, a autoestima se aflora e de um modo geral, tornado passível a associação ao clube!

DIVISAS: com o faturamento de um clube, a arrecadação de tributos cresce, justificando a animação do setor público, não diretamente, mas, com os instrumentos necessários para tal, como estádio de futebol e as condições necessárias para a boa prática do negocio. Os empregos diretos e indiretos se somam de um modo geral há retorno para ambas às partes como poder público, investidores, marcas e sociedade,

CATEGORIAS DE BASE: este deve ser o foco dos investidores, além de ser simpático na formação do cidadão, pois o apelo social é forte, formará a matéria prima futura que sustentará o negocio.

A partida do investimento, se considerarmos a terceira divisão estadual, deve-se entender que com o vencimento das etapas, os custos tendem s diminuir, pela entrada de apoiadores de marcas, investidores, sócios e até mesmo retorno de possíveis negociações de atletas.

Com estas observações, surge a possibilidade de análise do cenário atual, onde podemos entender e decidir sobre o futuro como negócio bem sucedido, embasado e planejado.

Possibilidades para o Futuro do Metropolitano:

OPÇÃO 1 – O investimento no CAM pode ser bem sucedido, porém o passivo é alto, o retorno será demorado devido à situação atual do clube.

OPÇÃO 2 – Canalizar investimentos na base, dando condições na formação de atletas que darão a sustentação necessária futura, o Instituto passa a gerir tanto a base como o profissional.

OPÇÃO 3 – Federar o Instituto, que possui tranquilidade financeira, ativo de captação com projeto aprovado e base treinando regularmente, podendo este disputar a terceira divisão estadual.

Conclusão: Não há como sustentar um negócio sem investir, com planejamento ordenado e foco, passar o pires e pedir ajuda está provado que não funciona, ficando a carga para uma minoria que acaba frustrando a si próprio como toda uma sociedade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here